Edvaldo Nogueira reajusta passagem de ônibus para R$4,50

Da redação, AJN1

O prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PDT), autorizou aumento de 12,5% no valor da passagem do sistema de transporte coletivo de Aracaju e Região Metropolitana. Na prática, os usuários, que já enfrentam cotidianamente problemas de superlotação e demora no cumprimento dos horários, irão desembolsar, em meio à crise econômica, R$ 4,50. Atualmente, o valor é de R$4,00. A nova tarifa começa a valer a partir deste domingo, 15.

O valor da tarifa geralmente é modificado no início de cada ano, mas não foi reajustado por determinação do prefeito Edvaldo Nogueira, que preferiu, por meio da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT), realizar uma análise pormenorizada da planilha de custos do transporte público antes de se posicionar sobre a questão.

De acordo com o superintendente da SMTT, Renato Teles, o qual anunciou a ‘novidade’ durante coletiva de imprensa no final da tarde desta sexta-feira (13), no lugar do prefeito, a principal justificativa apresentada para o reajuste são os constantes aumentos nos preços dos combustíveis, além da inflação acumulada dos últimos 12 meses.

“A tarifa do transporte público estava congelada, em Aracaju, há mais de três anos, e o sistema passa por uma grave crise em âmbito nacional devido, principalmente, aos constantes aumentos do diesel. Para amenizar a dificuldade do transporte público, a Prefeitura tomou uma série de medidas, mas ainda assim o reajuste é necessário”, declara Renato.

O último reajuste concedido pela Prefeitura de Aracaju ocorreu em dezembro de 2018. À época, o valor da tarifa foi atualizado em 14,2%. Antes, a atual gestão só havia concedido um aumento em agosto de 2017, quando fez uma alteração no preço da passagem de 12,9%. De modo que nos últimos cinco anos e cinco meses, a tarifa, na capital sergipana, passou por apenas três atualizações, sempre levando em consideração o compromisso com o cidadão e a justeza com o equilíbrio financeiro do sistema.

O sistema de transporte público em Aracaju é integrado a outras três cidades da região metropolitana – Barra dos Coqueiros, Nossa Senhora do Socorro e São Cristóvão. O usuário consegue se deslocar por todas essas cidades, utilizando-se dos veículos e dos terminais de integração, para chegar ao seu destino final, pagando apenas uma passagem.