ARACAJU/SE, 22 de maio de 2024 , 11:11:07

logoajn1

Mulher de 51 anos quebra três imagens de igreja Católica no conjunto João Alves

Da redação, AJN1

 

Problemas psicológicos ou intolerância religiosa? A questão é polêmica e foi levantada na tarde do último domingo (30), quando uma senhora de 51 anos invadiu a Paróquia São João Batista, situada no conjunto João Alves, município de Nossa Senhora do Socorro e começou a quebrar três imagens que estavam no altar.

As divindades em gesso – Nossa Senhora do Carmo, Sagrado Coração de Jesus e Nossa Senhora de Fátima –, foram jogadas ao chão com tanta força que ficaram em pedaços. 
 

A mulher enfurecida não teve seu nome divulgado e foi levada para uma delegacia da cidade.

“A igreja estava aberta, a senhora invadiu a Paróquia, empurrou e jogou no chão três imagens da Igreja. Inicialmente não entendemos porque ela fez isso, mas ela contou que era da igreja Universal e fez isso porque é contra a religião Católica. Percebemos que ela apresentava problemas psicológicos. Conseguimos acionar rapidamente a polícia e o padre Marcos Rogério foi junto com a mulher para a delegacia”, relatou Helena, que trabalha na paróquia.

Ao chegar na delegacia, continua Helena, a mulher teve uma crise nervosa e foi encaminhada ao Hospital São José, em Aracaju. “Uma pessoa em plena consciência não faz o que ela fez. Foi lamentável o que aconteceu”.

 

Fotos: Lindivaldo Ribeiro/CS

Você pode querer ler também