ARACAJU/SE, 17 de abril de 2024 , 0:00:43

logoajn1

OAB suspende audiência pública para debater segurança

Em virtude do assassinato do delegado da Polícia Civil, Ademir da Silva Melo Júnior, 37, ocorrida na noite desta segunda-feira (18), a Ordem dos Advogados do Brasil, seccional de Sergipe (OAB/SE) suspendeu a audiência pública para tratar da questão da segurança pública que estava marcada para às 8h de amanhã (20). A OAB também divulgou nota de pesar, lamentando a morte do delegado.

"A Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional de Sergipe ( OAB/SE) vem a público manifestar profundo pesar pelo assassinato brutal e covarde do delegado de polícia Ademir da Silva Melo Júnior, ocorrido na noite de ontem, 18, ao tempo em que externa solidariedade à família enlutada, amigos e colegas de trabalho, nesse momento de dor", diz a nota.

 

A OAB/SE ressaltou que "Ademir Jr. foi um servidor público diligente e atuante, que honrou a sua instituição e serviu à sociedade. Dotado de fino trato, conquistou o respeito e a simpatia dos advogados e dos seus pares".

 

A nota diz ainda que "a advocacia e a sociedade estão consternadas e lamentam profundamente a perda de mais uma vida em decorrência da horrenda violência que assola o nosso Estado de Sergipe. É tempo de priorizar os recursos públicos para implantação de políticas públicas eficientes de prevenção e combate à violência". 

 

Com relação a suspensão da audiência pública que prevista para está quarta-feira (20), a Ordem ainda não definou a nova data para realização do ato. "Em razão do tenebroso assassinato que causou comoção social e profundo abatimento em todos nós, tornou-se inviável a realização da audiência pública", conclui a nota assinada pelo presidente da OAB/SE, Henri Clay Santos Andrade.

 

* Com informações da Ascom OAB/SE

Você pode querer ler também