PF deflagra nova fase da Operação Lava Jato

A Polícia Federal (PF) deflagrou hoje (1º) mais uma fase da Operação Lava Jato. As empresas do grupo JBS Friboi estão entre os alvos. Os mandados de prisão e de busca e apreensão foram autorizados pelo ministro Teori Zavascki, responsável pela Lava Jato no STF (Supremo Tribunal Federal).

 

Os policiais cumprem mandados em três estados – São Paulo, Rio de Janeiro e Pernambuco – e no Distrito Federal. O doleiro Lúcio Bolonha Funaro foi preso em São Paulo. Segundo a PF, ele é ligado a Eduardo Cunha (PMDB-RJ), presidente afastado da Câmara dos Deputados.Também é alvo da operação o lobista Milton Lira. A polícia fez busca e apreensão na casa dele, em Brasília.

 

A operação de hoje foi batizada de Sepsis e é comandada pela PGR (Procuradoria Geral da República).  A ação é baseada nas delações de Fábio Cleto, ex-vice-presidente da Caixa indicado por Cunha, e de Nelson Mello, ex-diretor de Relações Institucionais do Grupo Hypermarcas.

 

* Com informações da Agência Brasil