ARACAJU/SE, 17 de junho de 2024 , 10:01:17

logoajn1

Professores da rede municipal de Aracaju mantêm greve

 

Da redação, AJN1

Os professores da rede municipal de ensino de Aracaju decidiram, por unanimidade, continuar a greve iniciada na última sexta-feira (1º). A categoria cobra do prefeito Edvaldo Nogueira o reajuste do Piso Nacional do Magistério. Segundo a classe, a revisão do piso é uma Lei federal, tem percentual de 7,64% e está em vigor desde janeiro deste ano.

O presidente do Sindicato dos Profissionais de Ensino do Município de Aracaju (Sindipema), Adelmo Meneses, afirma que o grupo da gestão municipal responsável pela negociação com o Sindicato rejeitou a contraproposta da categoria, que era de pagar o piso reajustado a partir do mês de setembro e negociar o retroativo dos meses de janeiro a agosto.

Calendário de mobilização

Um novo calendário de mobilização também foi discutido e aprovado pelos docentes, a exemplo da participação, dia 7 de setembro, no 23º Grito dos Excluídos, com concentração às 8h, na Praça Fausto Cardoso, em frente à Assembleia Legislativa.

Já no dia 11, os professores farão ato em frente ao Centro Administrativo da PMA, no conjunto Costa e Silva; no dia seguinte,12, ato em frente à Câmara de Vereadores com entrega de uma carta convite para que os parlamentares dialoguem com a categoria sobre o pagamento do Piso Nacional do Magistério.

Neste mesmo dia, às 15h30, acontecerá nova assembleia para avaliar a greve e decidir os rumos do movimento.

 

Você pode querer ler também