ARACAJU/SE, 22 de julho de 2024 , 14:19:05

logoajn1

Professores decidem manter greve

Joangelo Custódio

Da AJN1

 

A direção do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Básica da Rede Oficial de Ensino (Sintese) decidiu por unanimidade, em assembleia extraordinária realizada no final da tarde desta segunda-feira, 25, no Instituto Histórico e Geográfico, manter a greve da categoria iniciada no último dia 18. 

A decisão desobedece a determinação do desembargador José dos Anjos, que acatou no último dia 22 de maio o pedido de ilegalidade da greve, impetrado pelo Governo do Estado. Com a decisão, o Sindicato está sujeito a pagar multa diária no valor de R$10 mil. 

Após a assembleia, os professores saíram pelas ruas do Centro da Capital com bandeiras do Sindicato em punho e conclamando melhorias para a educação pública.

 

O magistério da rede estadual também aprovou uma agenda de lutas que começa nesta terça, 26, às 8h, com um ato em frente ao Tribunal de Justiça.

 

Já no dia 27, também às 8h, acontece outra manifestação dos professores em conjunto com demais servidores públicos em frente ao Palácio de Despachos. No dia 28, às 9h, acontece mais uma assembleia no Instituto Histórico e Geográfico. No dia 29, por volta das 14h, ato público pelo Dia Nacional de Paralisação na Praça General Valadão.

 

Greve

 

Em greve desde a última segunda-feira, 18, os professores cobram do Governo do Estado reajuste de 13,01% para todas as classes, melhorias em infraestrutura de escolas, dignas condições de trabalho, merenda escola de qualidade, segurança nas unidades de ensino, dentre outras reivindicações.

 

O governo de Sergipe disse veementemente que o Estado não tem condições de dar o reajuste neste momento, alegando falta de recursos.  Dessa forma, pediu a Justiça no último dia 21 a ilegalidade da greve, sendo atendido pelo desembargador José dos Anjos no dia 22.

 

Cerca de 170 mil alunos estão sem aula nesse momento. A preocupação imediata do Governo é com 8 mil estudantes que irão prestar o Exame Nacional de Ensino Médio e já iniciarão as inscrições a partir de hoje.

Você pode querer ler também