ARACAJU/SE, 18 de junho de 2024 , 16:27:18

logoajn1

Projeto do MP de Sergipe ganha prêmio do Conselho Nacional

 

O projeto do Ministério Público de Sergipe “Nascentes do São Francisco – O MP Salvando Rios” foi o grande vencedor do Prêmio CNMP na categoria “Transformação Social”. A solenidade de premiação dos projetos finalistas aconteceu na quarta-feira (2), durante a abertura do 8º Congresso Brasileiro de Gestão do Ministério Público, em Brasília (DF).

O “Nascentes do São Francisco” é uma inciativa do Centro de Apoio Operacional de Proteção ao rio São Francisco e às Nascentes (CAOpSFN), apoiado pela Procuradoria-Geral de Justiça (PGJ), com o intuito de promover o aumento da quantidade e qualidade da água, através da recuperação e preservação das Áreas de Preservação Permanente (APPs) e Áreas de Reserva Legal (ARLs) nas propriedades rurais de Sergipe.

O projeto fomenta uma política pública permanente nos municípios sergipanos para, em conjunto com a sociedade civil, especificamente, com os proprietários rurais, seja realizada a gestão solidária e harmônica das Florestas e dos Recursos Hídricos.

“O rio São Francisco é muito sofrido. O que esperamos com esse reconhecimento é que os outros estados possam se espelhar no nosso projeto e expandi-lo pelo Brasil afora. A visibilidade e a possibilidade de que o Projeto vá para outros estados são o que me deixa mais radiante”, disse a promotora de Justiça e Diretora CAOp do São Francisco, promotora de Justiça Allana Rachel Monteiro Batista Soares Costa.

O vice-presidente do Comitê da Bacia Hidrográfica do São Francisco, Maciel Oliveira, prestigiou a entrega do Prêmio e parabenizou o MP. “Esse prêmio é o reconhecimento de que estamos fazendo o trabalho certo, investido na recuperação hidroambiental da bacia do rio São Francisco. O Projeto que o Ministério Público de Sergipe nos trouxe é uma experiência inovadora. O Comitê já possui uma vasta experiência nessa área de recuperação de nascentes também, mas não no semiárido. Fazer esse trabalho de recuperação de uma área que já estava degradada, fazer plantio na caatinga realmente é algo novo e de extrema importância. Estamos bastante satisfeitos e alegres. Esse Prêmio também consolida a nossa parceria com o Ministério Público em todas as ações!”, frisou.

Para o Procurador-Geral de Justiça, José Rony Silva Almeida, é uma honra muito grande para o MP de Sergipe ter um Projeto vencedor em uma de suas categorias e reconhecido como uma boa prática pelo Conselho Nacional do Ministério Público. “Estamos muito felizes pelo reconhecimento do nosso Projeto. Um trabalho feito por uma equipe dedicada e liderada pela promotora de Justiça Allana Rachel e que contou e sempre conta com o apoio incondicional da Procuradoria-Geral de Justiça”.

Rony Almeida lembrou que o MP de Sergipe tem sempre se destacado no Prêmio CNMP. Em 2016, o ‘Adote um Manancial’ recebeu o troféu de segundo colocado na categoria ‘Transformação Social’ e o ‘ONG Transparente’ ficou entre os finalistas na categoria “Redução da Corrupção”.

Fonte: Ascom MP

Você pode querer ler também