Redução da alíquota sobre querosene aumenta número de voos para Aracaju

O Governo do Estado reduziu a alíquota sobre o querosene de aviação (QAV) Com isso, elevou o número de vôos de 18 para 24, representando 128 frequências semanais entre Aracaju e os principais pólos emissores de turistas do Brasil.

 

Segundo dados da Infraero, o aeroporto de Aracaju vai registrar um crescimento de 10% no movimento de aeronaves comerciais entre dezembro 2015 e janeiro de 2016 em comparação a igual período de 2014/2015.

 

Além disso, no chamado período de alta temporada, de dezembro de 2015 a fevereiro de 2016, oito novos vôos – obedecendo aos critérios acima – vão pousar e decolar do aeroporto Santa Maria, ligando Aracaju aos principais centros emissores de turistas para o Estado de Sergipe, como Rio de Janeiro, São Paulo, Campinas e Belo Horizonte.

 

Com a redução da alíquota do ICMS incidente sobre o querosene de aviação de 17% para 14,5% ou 12%, desde que haja o aumento efetivo nas frequências de pousos e decolagens no Aeroporto de Aracaju e ainda o aumento de consumo do combustível quando do abastecimento.

 

Desse modo, as empresas aéreas Avianca e Gol já implantaram novos vôos ligando o Rio de Janeiro e São Paulo à capital sergipana. A Azul já trabalha com vôos extras, sendo previstos 91 voos entre este mês de dezembro e janeiro de 2016. A Tam, que vem realizando trabalho de adequação de sua malha aérea tem, também, interesse em aumentar o números de voos e, a partir do próximo ano, deve iniciar as negociações com o Governo do Estado.