Setransp propõe aumento de tarifa de ônibus

Alegando necessidade de realinhar o equilíbrio econômico-financeiro do sistema de transporte coletivo urbano, o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Aracaju (Setransp) enviou à Prefeitura de Aracaju a planilha de custo tarifário para avaliação da SMTT (Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito).

De acordo com o Setransp, o cálculo da tarifa é realizado com base na relação entre despesas totisl para prestação do serviço e o volume de passageiros pagantes. O Setransp alega que é indispensável a obtenção de fontes de subsídio e desoneração dos principais insumos do transporte, como as despesas com combustível (incluindo tributação com ICMS), mão de obra, peças, óleos, rodagem, impostos e gratuidades.

Em nota, a SMTT disse que recebeu a planilha de custos do Setransp, que é entregue anualmente, com a proposta de reajuste da tarifa de ônibus da capital e região metropolitana. A Superintendência afirma que ainda analisará as informações.

Por Redação AJN1