ARACAJU/SE, 19 de maio de 2024 , 2:09:37

logoajn1

Sindetran diz que não foi notificado oficialmente sobre ilegalidade de greve

Da redação, AJN1

 

O Sindicato dos Servidores do Departamento de Trânsito de Sergipe (Sindetran) informou ao AJN1 que não foi notificado da decisão do Tribunal de Justiça de Sergipe, que determinou, por unanimidade, a decisão de ilegalidade da greve dos servidores do Detran/SE.

 

O presidente do Sindetran, Thiago Bomfim, disse que quando o Detran pediu a ilegalidade, os servidores regressaram ao trabalho, pois havia uma proposta em juízo: a construção do Plano de Cargos, Carreira e Vencimento (PCCV). 

 

“Se o Detran, com base nessa ratificação, cortar salários, estará cometendo um ato de improbidade. Nós não fomos notificados de absolutamente nada. As paralisações são nas unidades de atendimento, não há faltas, os processos pendentes e tramitações ocorrem normalmente. Apenas não há atendimento ao público. Que é uma das funções do servidor, além de não termos número mínimo ou máximo de digitação, metas ou coisa do tipo. Segundas, terças, quintas e sextas, todos os clientes foram atendidos normalmente”, defendeu-se Thiago.

 

Segundo Thiago, se o Detran se valer da decisão estará sujeito às punições por improbidade e com toda certeza a categoria irá suspender todo e qualquer atendimento até que se repatrie os valores.

 

Detran

 

Em nota, a diretoria do Detran diz que aguarda a publicação do conteúdo do julgamento e tomará as providências administrativas em relação à frequência dos servidores durante as paralisações.
 

Você pode querer ler também