ARACAJU/SE, 24 de maio de 2024 , 8:10:49

logoajn1

TJ/SE dá início à 2ª edição da Semana Nacional da Justiça pela Paz em Casa

O Tribunal de Justiça de Sergipe (TJ/SE), através da Coordenadoria da Mulher, deu início nesta segunda-feira (3) à 2ª edição da Semana Nacional da Justiça pela Paz em Casa, que acontece até a próxima sexta-feira (7). 

 

O lançamento da Semana aconteceu no Juizado de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher, no Fórum Gumersindo Bessa, com a divulgação do convênio firmado entre o TJSE e a Universidade Tiradentes (Unit), o qual concede vagas de estágio curricular, não remunerado aos estudantes dos cursos de Direito, Psicologia e Serviço Social, com o intuito de potencializar os atendimentos multidisciplinares na unidade especializada.

 

Para o Presidente do TJ/SE, Des. Luiz Mendonça, que participou do evento de abertura da Semana, o combate à violência doméstica contra a mulher é uma constante preocupação do Tribunal no sentido de defesa às mulheres. “O lançamento da campanha com a divulgação do convênio com a Unit visa, além do acompanhamento jurídico, social e psicológico das mulheres vítimas, contribuir para a formação acadêmica aos alunos, preparando-os para a vida profissional. Todo esse aparato disponibilizado começará a despertar a cultura do entendimento e a consequente pacificação social, que é o desejo do TJ/SE, da Universidade, do STF e de todos as pessoas que sonham com um país melhor”, comentou o presidente.

De acordo com a Juíza Coordenadora da Mulher do TJSE, Adelaide Moura, a iniciativa para a realização da Semana Nacional da Justiça pela Paz em Casa é um levante nacional, coordenado pela Ministra do Supremo Tribunal Federal (STF), Carmem Lúcia Antunes Rocha, de conscientização para o combate à violência contra mulher. “A Semana busca dar efetividade, celeridade e o cuidado com o processo que vem tramitando. Toda a estrutura foi formatada para que os juízes durante essa semana priorizem os julgamentos de casos de violência doméstica contra a mulher”, explicou a magistrada.

A juíza destacou também a programação da Semana, principalmente a Roda de Conversa sobre a temática "Violência Doméstica contra a Mulher nos meios de Comunicação", no dia 06.08, com a participação do jornalista Cláudio Nunes, da radialista Magna Santana e dos professores da UFS, Renata Malta e Jonatas Menezes para debater o tema que será mediado por ela e pelo Diretor de Comunicação do TJSE, jornalista Euler Ferreira e o Seminário A Violência Doméstica contra a Mulher: Construindo novos olhares, realizado em parceria com a Estácio/ Fase.

Convênio

A partir da assinatura e lançamento do convênio serão concedidas vagas de estágio curricular, não remunerado aos estudantes dos cursos de Direito, Psicologia e Serviço Social da Unit junto às Varas Especializadas em Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher. Segundo o Coordenador do curso de Direito, Eduardo Macedo, “a parceria possibilitará aos estudantes uma efetiva atividade jurídica e com os alunos dos outros cursos formar mais uma equipe multidisciplinar para atender as mulheres vítimas”.

Para a Coordenadora de Estágio do curso de Psicologia, Lidiane Santos, o convênio era um anseio antigo da universidade que pôde ser realizado agora. “Ficamos muito felizes com a possibilidade dos alunos de Psicologia, Direito e Serviço Social poderem atuar, através do estágio curricular, dentro de uma unidade que atua em causas referentes a violência doméstica, tema que a academia está cada vez mais se aprofundando”, concluiu a professora.

 

Com informações do TJ/SE

Foto: Lindivaldo Ribeiro/CS

Você pode querer ler também