ARACAJU/SE, 21 de maio de 2024 , 7:25:21

logoajn1

Trabalhadores dos Correios aceitam proposta e encerram greve em todo país

Os funcionários da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (Correios)  retomaram as atividades em quase todo o país nesta terça-feira (29). A maioria dos sindicatos que haviam deflagrado paralisação, entre eles o de Sergipe, aceitou a proposta de acordo coletivo apresentada na última sexta-feira (25), em audiência de mediação conduzida pelo vice-presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST), ministro Ives Gandra. Dezesseis das 36 bases sindicais espalhadas pelo Brasil não haviam aderido ao movimento.

A proposta do TST prevê aumento salarial linear de R$ 150 a partir de agosto de 2015 e de R$ 50 a partir de janeiro de 2016, a título de gratificação, incorporável ao salário nos seguintes percentuais e datas: 50% em janeiro de 2016; 25% em agosto de 2016 e 25% em janeiro de 2017.

Também prevê que o plano de saúde dos trabalhadores não poderá sofrer qualquer alteração que não seja de comum acordo com os trabalhadores, representados pelos sindicatos. Uma comissão paritária para tratar do assunto será formada no prazo de 30 dias a contar da assinatura do acordo coletivo.

A proposta inclui ainda reajuste de 9,56% nos benefícios vale-alimentação/refeição, vale-cesta, auxílio para filhos com deficiência e reembolso creche/babá; além de redução do compartilhamento do vale-alimentação. Assim como a proposta anterior, a atual mantém a antecipação da entrega matutina até o final de 2016, conforme os critérios estabelecidos no Acordo Coletivo de Trabalho 2014-2015.

 

Com informações da Ascom/Correios
 

Você pode querer ler também