Sergipe perde João Alves Filho, um grande homem público, que muito contribuiu para o desenvolvimento do estado. Saiba mais

Trânsito passará por mudanças nos acessos à avenida Quirino

 

Em virtude do remanejamento da rede de gás e da conclusão dos serviços de drenagem na avenida Quirino, no bairro Inácio Barbosa, a secretaria de Estado da Infraestrutura e do Desenvolvimento Urbano (Seinfra) fará a alteração no trânsito de três ruas paralelas à avenida Heráclito Rollemberg, na Zona Sul da capital. As mudanças no trafego acontecem a partir das 9h desta quarta-feira (11). A ação conta com o apoio do Departamento Estadual de Infraestrutura Rodoviária de Sergipe (DER/SE) e da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT).

As intervenções fazem parte das obras de interligação das avenidas Rio de Janeiro e Gasoduto e são cruciais para a conclusão dos serviços de terraplenagem, aplicação das camadas de base e sub-base e posteriormente da camada asfáltica na avenida Quirino, que é via intermediária entre as duas avenidas.

De acordo com o secretário Estadual da Infraestrutura, Valmor Barbosa, a alteração afetará apenas o tráfego de veículos. “Aos condutores que costumam ir à avenida Quirino pela Travessa H (primeira rua à direita após o Terminal DIA, no sentido São Conrado), o acesso agora se dará pela Rua I (segunda rua à direita) ao lado da madeireira. Já os condutores que estão na avenida Quirino e necessitam ir até a avenida Heráclito Rollemberg, o acesso será feito pela Rua J (terceira rua à direita), via esta, paralela ao posto de combustíveis”, explica.

O secretário acrescenta que também haverá alterações no sentido oposto da avenida Heráclito Rollemberg. “Para quem trafega no sentido São Conrado/ Terminal DIA e pretende ir à Avenida Quirino, ao invés de pegar o retorno existente entre o posto de combustíveis e a madeireira, fará o acesso pela Rua Xavier de Oliveira (ao lado da Fábrica Nortista) passando em frente à Rua Roberto da Fonseca (Rua da SMTT) e saindo na Rua Paulo Henrique Machado (ao lado da loja de móveis), cruzando a Avenida Heráclito Rollemberg e em seguida entrando pela Rua I (segunda rua à direita)”, detalha.

Valmor Barbosa ressalta que as medidas, apesar de incômodas, têm por objetivo garantir a segurança de condutores e pedestres. “É fato que toda obra em sua fase de execução gera alguns transtornos. Sabemos que durante os próximos 50 dias, o acesso tanto para chegada quanto para a saída da Avenida Quirino será limitado, uma vez que das três ruas que eram de mão dupla, uma será interditada e as outras duas passarão a ter apenas sentido único, bem como o retorno entre o posto de combustíveis e a madeireira terá apenas um sentido, porém, os benefícios da interligação das avenidas Rio de Janeiro e Gasoduto são incalculáveis e duradouros”, afirma.

Fonte: ASN