ARACAJU/SE, 21 de junho de 2024 , 23:06:30

logoajn1

Três homens são presos e armas e munições são apreendidas na ‘Operação Underground’

Da redação, AJN1

Três homens foram presos e armas de fogo, munições e documentos foram apreendidos durante a segunda fase da Operação Underground, realizada nesta sexta-feira (17) pelas equipes do Centro de Operações Policiais Especiais (Cope) e da Divisão de Inteligência e Planejamento Policial (Dipol).

A ação ocorreu nas cidades de Aracaju, Itabaiana e Moita Bonita, e teve como foco desmantelar uma organização criminosa que atua no tráfico de drogas; venda de armas e munições; e lavagem de dinheiro. Foram cumpridos três mandados de prisão e oito mandados de busca e apreensão.

O delegado Alisson Lial explicou que as investigações começaram em agosto de 2022 com a prisão de um homem investigado por tráfico de drogas e homicídio. Nos levantamentos realizados, os policiais do Cope e Dipol descobriram que o preso operava um esquema criminoso, liderado por outro homem, que atuava na venda ilegal e em alta escala de armas, munições e acessórios.

Com o avanço das investigações, os policiais chegaram a identificação de outros envolvidos no comércio ilegal de material bélico e tráfico de drogas interestadual.

Além do Cope e Dipol, participara da segunda fase da Operação Underground, policiais das delegacias de Itabaiana, Moita Bonita, DAGV e Depatri da Delegacia Regional de Itabaiana, Polícia Militar e Polícia Penal.

Histórico

A operação foi denominada de Underground em alusão ao submundo do crime, com base em termos da língua inglesa, e também ao fato de que o grupo atuava foram dos preceitos que constituem a sociedade.

Na primeira fase da Operação Underground, deflagrada no ano passado, foram cumpridos sete mandados de prisão preventiva e 14 mandados de busca e apreensão, subdivididos em 33 endereços diferentes.

*Com informações Ascom SSP

Você pode querer ler também