Brasileiros são os que passaram mais tempo por dia no celular em 2021

Os brasileiros são os que passaram mais tempo por dia no celular em 2021, ao lado da Indonésia. Segundo o relatório State of Mobile 2022, os usuários locais ficaram em média 5,4 horas por dia mexendo no dispositivo. Este é o segundo ano consecutivo que o Brasil lidera o quesito no levantamento da consultoria App Annie.

Em dados coletados apenas em dispositivos Android, o Brasil um dos únicos a ultrapassar a marca de cinco horas diárias, ao lao de Indonésia e Coreia do Sul. O estudo mostra um crescimento de consumo brasileiro desde 2019. No último ano sem pandemia o povo tupiniquim utilizava celular 4,1 horas por dia. Já em 2020 subiu para 5,2 horas.

Entre os 17 países em que usuários passam mais tempo por dia no celular, apenas Argentina e China reduziram a quantidade de horas entre 2020 e 2021.

Em total de horas contabilizando todos os usuários, o Brasil chegou a marca de 193 milhões de horas ficando em quarto lugar geral. A frente estão os Estados Unidos, Índia e China. Este último, por conta de sua população, ultrapassou a marca de 1 trilhão de horas conectados a um celular.
TikTok lidera em downloads e é segundo em tempo de uso

Sem surpresas, o TikTok lidera o mercado brasileiro em quantidade de downloads. Em segundo lugar está o e-commerce Shopee e fechando o pódio está o Kwai. Quem deixou a lista foram os populares Instagram e WhatsApp que fazem do grupo Meta.

Porém, o mensageiro Mark Zuckerberg continua líder em tempo de uso entre apps sociais. Os usuários no Brasil passam, em média, 29,2 horas por mês no aplicativo de mensagens. Houve queda em relação a 2020, quando usuários no país passaram, em média, 30,2 horas por mês no serviço. O WhatsApp também foi apontado como o aplicativo que os brasileiros mais abrem ao longo do dia no levantamento “Panorama”, realizado em dezembro pelo site Mobile Time e a empresa de pesquisas Opinion Box.

O segundo aplicativo social que os brasileiros mais passam mais tempo por mês é o TikTok, que cresceu e superou Instagram e Facebook. A plataforma passou de 14 horas mensais por usuário, em 2020, para 20,2 horas mensais por usuário, em 2021.

Fonte: Mundo Conectado