Videomonitoramento reforça segurança em Socorro

 

É de conhecimento geral que a tecnologia, quando bem utilizada, pode se tornar uma aliada no processo de desenvolvimento. Pensando nos benefícios gerados por ela, a Prefeitura de Nossa Senhora do Socorro, através da Guarda Municipal (GMS), implantou nas unidades básicas de saúde e na rede municipal de ensino o sistema de videomonitoramento, através do qual as unidades de ensino e saúde serão monitoradas em tempo real pela central.

A implantação, além de ser uma iniciativa inovadora no município, proporciona uma maior sensação de segurança aos socorrenses, e tem como objetivo resguardar o patrimônio público. “Com autorização do prefeito Padre Inaldo nós estamos implantamos esse sistema, através do qual iremos proporcionar ainda mais segurança não apenas para os funcionários, mas também para a população que frequenta essas unidades. Sabemos da importância em manter nossos guardas nas ruas e isso vai continuar de forma ainda mais intensa, mas também sabemos da contribuição que a tecnologia pode trazer”, disse o comandante da Guarda, Evilásio Protásio.

Até o momento a tecnologia funciona em 33 unidades de ensino e em 41 unidades de saúde, gerando um investimento mensal de R$16 mil e R$19 mil, respectivamente, para as secretarias.Também fizeram adesão ao sistema as secretarias de Assistência Social, Planejamento e o Centro Administrativo.

Para operar a central, que funciona 24h, os guardas municipais realizaram um curso específico, disponibilizado pela Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp). O funcionamento da central de monitoramento será realizado em tempo real, sendo enviado um sinal de emergência à equipe mais próxima do local, ao ser registrada qualquer anormalidade.

Todo o trabalho de prevenção nas escolas já vinha sendo realizado pela Ronda Escolar (Rondesc), implantada na gestão do prefeito Padre Inaldo, que resultou na redução de mais de 80% no número de ocorrências. Com a implantação da central a atividade de videomonitoramento foi desmembrada da Rondesc, que continua realizando rondas nas escolas.

Através do sistema de videomonitoramento já foi possível evitar uma invasão na Escola Municipal João Paulo II e em ação delituosa mais recente, identificar o indivíduo que realizou assalto na unidade básica de saúde Gilton Rezende, ambas localizadas no conjunto Parque dos Faróis.

Capacitação

Na manhã desta terça-feira (22), diretores e coordenadores das unidades básicas de saúde realizaram capacitação sobre o funcionamento do sistema, que começou a operar em algumas unidades no mês de dezembro de 2018. Na ocasião, os profissionais também tiveram a oportunidade de sanar dúvidas.

As informações foram passadas por representantes da empresa vencedora da licitação e responsável pela instalação e fornecimento de equipamentos do videomonitoramento. “Nós aderimos ao sistema devido a alguns problemas que vinham ocorrendo nas unidade de saúde e depois da instalação já evitamos assaltos e outros tipos de ocorrência que poderiam colocar em risco nossos profissionais e usuários. Tudo que fazemos em benefício a eles é um investimento, nesse caso, na segurança de todos. Isso só foi possível graças ao total apoio que tivemos do prefeito Padre Inaldo”, declarou o secretário de Saúde, Enock Ribeiro.

Fonte: Secom Socorro