ARACAJU/SE, 28 de novembro de 2023 , 23:05:52

logoajn1

Teatros de Aracaju são contemplados pelo Festival Sergipano de Artes Cênicas

Os teatros da capital sergipana estiveram agitados, no último final de semana, com dois monólogos e uma comédia que integram o II Festival Sergipano de Artes Cênicas. O público sergipano pôde apreciar os espetáculos “Senhora dos Restos”, “Ato de Comunhão” e “Uma Herança para Zé Trambiqueiro” que foram apresentados nos teatros Atheneu, Tobias Barreto e Lourival Baptista, respectivamente.

 

O Festival é uma realização do Instituto Banese juntamente com a Secretaria de Estado da Cultura (Secult), e conta com recursos do Fundo de Desenvolvimento Cultural e Artístico (Funcart). Contemplando diversos gostos e faixas etárias, o festival integra as artes circenses, dança e teatro.  As apresentações estão distribuídas entre teatros, praças e outros espaços públicos, totalmente gratuitas e seguem até o dia 30 de abril deste ano.

 

Crítica social inspirada nos dramas vividos por moradores de rua, o espetáculo “Senhora dos Restos” emocionou o público que compareceu ao Teatro Atheneu na última sexta-feira, 1 de abril. Produzido pelo grupo Dicuri Produções, com direção de Iradilson Bispo, o monólogo é interpretado pela atriz Isabel Santos, que incorpora uma velha senhora que sobrevive no Mercado Central de Aracaju dos restos que ali encontra. O medo da polícia, a violência física, a fome e o desespero, transparecem no desenrolar da história que retêm a atenção da platéia ao longo de toda apresentação.

 

No sábado, foi a vez do espetáculo convidado “Ato de Comunhão” ganhar o palco do Teatro Tobias Barreto. Com texto forte e apresentação intimista onde o artista fica mais próximo ao público, o monólogo tem direção e interpretação do ator Gilberto Gawroski e é sucesso de crítica e prêmios que vem arrecadando desde sua estreia, em 2011.

 

A peça é livremente baseada na história real de Armin Meiwes, condenado a prisão perpétua, que ficou conhecido no mundo todo como o “canibal alemão”. Segundo Gawroski, integrar a programação do II Festival Sergipano de Artes Cênicas é muito prazeroso. “Fico muito feliz em saber que Sergipe está abrigando um Festival, pois significa que o Estado não se preocupa somente com as questões básicas que ele precisa, mas que também se preocupa com a sua alma”, acredita.

 

Gawroski também participou do Festival com a oficina “Crônicas de uma testemunha quase emocionada”, ministrada no dia 1º de abril, no Teatro Tobias Barreto. Com base na leitura de textos jornalísticos, crônicas, relatos, contos e textos dramatúrgicos, a oficina tem por objetivo fazer vislumbrar um processo de criação de personagem e narrador a partir de pontos de vista múltiplos do cronista, dos que sofrem o fato e dos que vivenciam a história.

 

Já no domingo, quem entrou em cena no Teatro Lourival Baptista foi a Companhia de Teatro Itapoart’s, com a comédia “Uma Herança para Zé Trambiqueiro”. Inspirado na obra do escritor sergipano Robson Mister Silva, que também atua pela CIA, o espetáculo relata a história do Zé Trambiqueiro, um sujeito que usa suas espertezas para se livrar das mazelas que a vida traz.

 

Segundo o ator e escritor da obra que deu origem ao espetáculo, Robson Mister Silva, os personagens que integram a peça foram inspirados no universo nordestino. Para ele, adaptar o texto para ser apresentado foi uma tarefa complicada, mas que deu certo e tem recebido elogios. “Sempre quando transcrevemos do livro para ser apresentado no tablado há modificações e dificuldades, mas como o Grupo já conhece bem a obra tivemos um bom resultado”, explica.

 

Responsável por adaptar e dirigir o espetáculo, Bráulio Lima é também um dos fundadores da Itapoart’s, que existe há 15 anos. Para ele, o Festival é uma vitrine para os artistas da terra. “O Festival é o ponto alto das artes cênicas em Sergipe, haja vista a concorrência para se fazer parte dele. Acho muito válido integrar essa ação, e parabenizo o Governo do Estado e a Secult por mais essa iniciativa”, finaliza.

 

Próximos espetáculos

 

A programação do II Festival Sergipano de Artes Cênicas segue nesta terça-feira, 05, com a peça teatral “Viveiros”, da Companhia Boca de Cena, que se apresenta às 20 horas no Teatro Lourival Baptista. Já na quarta-feira, 06, quem sobre ao palco do Lourival, também às 20 horas, é a peça “O Bandido Cabeleira e o Amor de Luisinha”, da Companhia Catálise. Confira a programação completa:

 

PROGRAMAÇÃO

DIA 05 DE ABRIL DE 2016

 

Companhia: Boca de Cena (SE)

Espetáculo: Viveiros

Horário: 20 Horas

Local: Teatro Lourival Batista

Classificação Indicativa: 14 Anos

Duração: 45 Minutos

Categoria: Teatro

 

DIA 06 DE ABRIL DE 2016

 

Companhia: Catálise

Espetáculo: O Bandido Cabeleira e o Amor de Luisinha

Horário: 20 Horas

Local: Teatro Lourival Batista

Classificação Indicativa: 16 Anos

Duração: 45 Minutos

Categoria: Teatro

 

DIA 07 DE ABRIL DE 2016

 

Companhia: Eitcha Companhia de Teatro (SE)

Espetáculo: Os Saltimbancos

Horário: 16 Horas

Local: Teatro Tobias Barreto

Classificação Indicativa: Livre

Duração: 45 Minutos

Categoria: Teatro

 

 

DIA 08 DE ABRIL DE 2016

 

Companhia: Cia Atores de Laura (RJ)

Espetáculo: O Filho Eterno

Horário: 20 Horas

Local: Teatro Atheneu

Classificação Indicativa: Livre

Duração: 45 Minutos

Categoria: Teatro

 

DIA 09 DE ABRIL DE 2016

 

Companhia: Cia Atores de Laura (RJ)

Espetáculo: O Filho Eterno

Horário: 20 Horas

Local: Teatro Atheneu

Classificação Indicativa: Livre

Duração: 45 Minutos

Categoria: Teatro

 

DIA 10 DE ABRIL DE 2016

 

Companhia: Cia Atores de Laura (RJ)

Espetáculo: O Filho Eterno

Horário: 20 Horas

Local: Teatro Atheneu

Classificação Indicativa: Livre

Duração: 45 Minutos

Categoria: Teatro

 

DIA 13 DE ABRIL DE 2016

 

Companhia: Um Quê De Negritude (SE / Mostra Paralela)

Espetáculo: O Aiyê

Horário: 20 Horas

Local: Teatro Tobias Barreto

Classificação Indicativa: Livre

Duração: 85 Minutos

Categoria: Dança

 

Companhia: Grupo Emaranhados  (SE / Mostra Paralela)

Espetáculo: Meu Boneco Querido

Horário: 15 Horas

Local: Auditório da Biblioteca Epifânio Dória

Classificação Indicativa: Livre

Duração: 30 Minutos

Categoria: Teatro

 

DIA 14 DE ABRIL DE 2016

 

Companhia: Teatro Infantil dom Alunos do CCPA (SE/ Mostra Paralela)

Espetáculo: Pintando o Amor com Tintas e Palavras, Obra de Gustavo Aragão.

Horário: 15 Horas

Local: Auditório da Biblioteca Epifânio Dória

Classificação Indicativa: Livre

Duração: 30 Minutos

Categoria: Teatro

 

Companhia: Grupo de Dança Irmãos de Rua (SE)

Espetáculo: Marionete

Horário: 20 Horas

Local: Teatro Lourival Baptista

Classificação Indicativa: Livre

Duração: 20 Minutos

Categoria: Dança

 

Companhia: Grupo Leylak (SE)

Espetáculo: Dara

Horário: 20:30 Horas

Local: Teatro Lourival Baptista

Classificação Indicativa: 16 Anos

Duração: 20 Minutos

Categoria: Dança

 

DIA 15 DE ABRIL DE 2016

 

Companhia: Cia De Teatro Carlos Moreira (GO)

Espetáculo: Deu A Louca Nos Contos De Fadas

Horário: 09 E 15 Horas

Local: Teatro Atheneu

Classificação Indicativa: Livre

Categoria: Teatro

 

Companhia: Grupo De Teatro Do Colégio Ômega (SE/ Mostra Paralela)

Espetáculo: Deu A Louca No Sítio Do Pica-Pau Amarelo

Horário: 09 E 15 Horas

Local: Auditório Da Biblioteca Epifânio Dória

Classificação Indicativa: Livre

Categoria: Teatro

 

Companhia: Cia Nelson Santos (SE)

Espetáculo: Elo – A Essência de Tudo

Horário: 20 Horas

Local: Teatro Tobias Barreto

Classificação Indicativa: 12 Anos

Duração: 60 Minutos

Categoria: Dança

 

DIA 16 DE ABRIL DE 2016

 

Companhia: Teatro dos Risos e Organização Eileri (SE)

Espetáculo: Sorria, Flor do Dia

Horário: 15 Horas

Local: Teatro Lourival Baptista

Classificação Indicativa: Livre

Categoria: Teatro

 

DIA 17 DE ABRIL DE 2016

 

Companhia: Loucurarte (SE)

Espetáculo: Todas as formas de amor: qualquer maneira de amar vale a pena

Horário: 20 Horas

Local: Teatro Atheneu

Classificação Indicativa: Livre

Duração: 45 Minutos

Categoria: Dança

 

DIA 19 DE ABRIL DE 2016

 

Espetáculo: Quebra-Nozes (SE/ Mostra Paralela)

Horário: 20 Horas

Local: Teatro Tobias Barreto

Classificação Indicativa: Livre

Duração: 60 Minutos

Categoria: Dança/ Musical

 

DIA 20 DE ABRIL DE 2016

 

Companhia: Penarte (SE / Mostra Paralela)

Espetáculo: A cor da vida é transparente

Horário: 15 Horas

Local: Teatro Atheneu

Classificação Indicativa: 16 Anos

Duração: 35 Minutos

Categoria: Teatro

 

 

 

DIA 21 DE ABRIL DE 2016

 

Companhia: Cigari (SE)

Espetáculo: A Máquina 

Horário: 20 Horas

Local: Teatro Atheneu

Classificação Indicativa: Livre

Duração: 45 Minutos

Categoria: Circo

 

DIA 22 DE ABRIL DE 2016

 

Companhia: Cia Orquedeá de Fogo (AL/Conexão Nordeste)

Espetáculo: Palha Assada

Horário: 16 Horas

Local: Museu da Gente Sergipana

Classificação Indicativa: Livre

Duração: 45 Minutos

Categoria: Circo

 

 

Companhia: Cia Contempodança (SE)

Espetáculo: Quando a luz de apaga…

Horário: 20 Horas

Local: Teatro Tobias Barreto

Classificação Indicativa: Livre

Duração: 45 Minutos

Categoria: Dança

 

 

DIA 23 DE ABRIL DE 2016

 

Maratona de Dança

Local: Teatro Tobias Barreto

Horário: das 16 às 22 horas

 

DIA 24 DE ABRIL DE 2016

 

Companhia: Cia Máscara de Teatro (RN / Conexão Nordeste)

Espetáculo: Viagem aos campos de alfenim

Horário: 20 Horas

Local: Teatro Tobias Barreto

Classificação Indicativa: Livre

Duração: 45 Minutos

Categoria: Teatro

 

DIA 25 DE ABRIL DE 2016

 

Companhia Coletivo Teatro de Mala (SE)

Espetáculo: Uma canção de rebeldia

Horário: 20 Horas

Local: Teatro Atheneu

Classificação Indicativa: 14 Anos

Duração: 45 Minutos

Categoria: Teatro

 

DIA 26 DE ABRIL DE 2016

 

Companhia Grupo Parlacenico de Teatro (SE/ Mostra Paralela)

Espetáculo: Mão de ferro e a estrela cadente

Horário: 09 e 15 Horas

Local: Teatro Atheneu

Classificação Indicativa: Livre

Duração: 45 Minutos

Categoria: Teatro

 

 

Companhia Grupo E-teatro

Espetáculo: Epílogos Contemporâneos 

Horário: 15 horas

Local: Teatro Lourival Baptista

Classificação Indicativa: Livre

Duração: 45 Minutos

Categoria: Teatro

DIA 27 DE ABRIL DE 2016

 

Companhia: Luana Michelotti (RS)

Espetáculo: Apresentação das máscaras balinesas

Horário: 20 Horas

Local: Teatro Lourival Batista

Classificação Indicativa: 12 Anos

Duração: 30 Minutos

Categoria: Teatro

 

Companhia: Mamulengo do Cheiroso (SE / Convidado)

Espetáculo: A viúva visita clemilda

Horário: 16 Horas

Local: Teatro Atheneu

Classificação Indicativa: 12 Anos

Duração: 40 Minutos

Categoria: Teatro

 

DIA 28 DE ABRIL DE 2016

 

Companhia: Cia Stutifera Navis (SE)

Espetáculo: Resultado da Oficina da Cia Stutifera Navis

Horário: 20 Horas

Local: Teatro Lourival Batista

Classificação Indicativa: Livre

Duração: 40 Minutos

Categoria: Teatro

 

Programação Extra: Sessão de entrega de certificados aos destaques do teatro sergipano em 2015 a partir da crítica de Teatro

Realização: Café 100dramas e Socioplural

Horário: 21 Horas

Local: Teatro Lourival Batista

 

DIA 29 DE ABRIL DE 2016

 

Companhia: Cia de Teatro Historiaencena (SE)

Espetáculo: Folcloriando na terra do caju

Horário: 16 Horas

Local: Teatro Lourival Batista

Classificação Indicativa: Livre

Duração: 40 Minutos

Categoria: Teatro

 

DIA 30 DE ABRIL DE 2016

 

Companhia: Cia Atualona (SE)

Espetáculo: Ela esteve aqui

Horário: 20  Horas

Local: Teatro Tobias Barreto

Classificação Indicativa: 14 Anos

Duração: 45 Minutos

Categoria: Teatro

 

 

OFICINAS

 

08 de abril

Oficina: Prática de Interpretação

Companhia: Cia. de Atores de Laura (RJ)

Horário: das 10h às 13:30h

Local: Teatro Tobias Barreto

Classificação Indicativa: 12 Anos

Capacidade: 50 pessoas

 

26 e 27 de abril

Oficina de Máscaras Balinesas – O jogo do ator com a máscara neutra

Companhia: Luana Michelotti (BA)

Horário: dia 26 das 09 às 18 horas e 27 das 09 às 12 horas

Local: Teatro Lourival Batista

Classificação Indicativa: 12 Anos

Capacidade: 20 pessoas

 

Fonte: Ascom/Seccult

Você pode querer ler também