COMEMORAÇÃO - 10/09/2019 - 09:11

Dendê e empoderamento feminino: conheça o Ilê Akará

Foto: Fernando Correia/Divulgação

Acarajé, abará, aruá e muita música boa. Assim são as quartas-feiras do Ilê Akará, que quer dizer Casa do Acarajé, em iorubá. Aberto há um mês, o empreendimento, que funciona no mesmo local da Casa Aho, tem trazido mais cor e dendê ao bairro Aeroporto. Nesta quarta-feira (11), a noite promete ser ainda mais especial, com a comemoração do aniversário de Raíssa Stefaní e ensaio aberto do grupo Sambacaitá.

Criado para ser um espaço de resistência, o Ilê Akará traz a força e a raiz do Candomblé para a noite cultural de Aracaju, valorizando as tradições culinárias, a estética, e a musicalidade da população negra sergipana. A cada semana, uma atração musical diferente dá o tom da noite. Já passaram pelo palco do Ilê Akará as cantoras Anne Carol, Joyce Fróes, Jaque Barroso, Deby Lima, Lari Lima, banda As Marias, entre outras, além do DJ Grau.

Além do pertencimento étnico-racial, a valorização do protagonismo das mulheres é uma vertente fundamental. “Desde a cozinha, passando pelo caixa, pelas atendentes, pela motogirl que faz as entregas, o nosso empreendimento é 100% feminino, porque valorizamos e vemos a importância de criar cada vez mais espaços que sejam de resistência e contra qualquer tipo de discriminação”, explica Raíssa.

Foto: Fernando Correia/Divulgação

No cardápio, além dos tradicionais acarajé e abará – que podem ser encontrados em versões menores para petiscar com os amigos e com opções veganas – elas também incluíram pasteis fritos no azeite de dendê, uma inovação que já ganhou o paladar dos frequentadores. Para sobremesa, existe sempre uma fatia de bolo e o já conhecido brownie da Parêa, que no Ilê Akará ganhou uma versão com sorvete.

Parêa Culinária Artesanal

Funcionando há dois anos, a Parêa Culinária Artesanal, negócio do qual o Ilê Akará faz parte, começou suas atividades vendendo brownies e alfajores para amigos e no trabalho de Elis, que é professora de biologia de formação.

“Na verdade, quando a gente se conheceu, Raíssa já fazia alfajores, mas com o início do nosso relacionamento, resolvemos dar uma incrementada e trazer outros produtos, e assim chegaram os brownies e os bolos, que hoje são nosso carro chefe nas encomendas”, conta Elis, que faz questão de frisar que todos os produtos contam com opções para pessoas com restrições alimentares: sem glúten, lactose e também vegetarianas e veganas.

Fonte: Paó Comunicação